Pesquisar na Comunidade

Mostrando resultados para as tags ''streams''.

  • Pesquisar por Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Pesquisar por Autor

Tipo de Conteúdo


Fóruns

  • Britney Spears
    • Britney Spears
    • Coberturas
    • Downloads
    • Off
    • Suporte

Encontrado 3 registros

  1. Banner temporário até eu ter vergonha na cara e fazer um descente. Atualizações todas as quintas - feiras. Atualização da semana passada nesta primeira página. A nova atualização desta semana se encontra na página 4.
  2. Estamos mais próximos que nunca da nova era de Spears, então achei está a hora ideal para escrever esse tópico PARTE TEÓRICA Nos últimos meses a Billboard anunciou que irá utilizar o sistema de streams para contabilização de suas tabelas (Hot 100, Albums 200 e assim por diante), o que obviamente foi uma ótima notícia para os fãs de boa parte dos artistas mainstream, por que agora além das vendas puras poderíamos ajudar nossas faves também com visualizações e contabilização de plays em plataformas de streaming, mas como funciona isso? Simples Com seu novo método, a Billboard irá somar as vendas puras de um álbum/single mais um número X de streams que tal canção acumulou que contará como venda oficial. Vamos a um exemplo: Digamos que Britney tenha um debut de 400 mil cópias vendidas com seu novo single em versão pura, além destas 400 mil cópias serão contabilizadas também as reproduções em plataformas como Spotify/Deezer e visualizações no Youtube, ou seja, seriam 400 mil cópias mais um valor x de streams que são convertidos a vendas e somados a esses 400k. Um exemplo de canção que conseguiu um mega apoio com esse sistema foi "Work" de Rihanna, que em sua oitava semana já estava fora do TOP 10 do iTunes mas que mesmo assim se manteve um primeiro lugar a Billboard HOT 100 devido ao alto números de plays na canção A nova regra também vale para certificações de álbuns/singles através da RIAA, um dos casos mais famosos em relação a esse"beneficio" foi o do cantor Shawn Mendes, que conseguiu certificado de platina nos EUA sem ao menos vender meio milhão de cópias puras de seu álbum no território PARTE PRÁTICA A notícia é boa, mas nem tudo são mar de rosas: A Billboard só irá contabilizar os streams acumulados em território estadunidense "Então como nós podemos ajudar?" A resposta é simples: Iremos usar VPN. Não vou usar termos muito técnicos pois acho desnecessário, então explicarei de forma simplificada: Mesmo que você more no Brasil e use a internet da sua casa a VPN fará com que os sites e aplicativos que você use identifique seu IP como algum lugar pré definido por você, ou seja, mesmo estando em outro país você poderá enganar os servidores de qualquer site e fazer com que o mesmo receba a informação que você está nos EUA ou na China por exemplo. Configurar a VPN não é difícil e existem aplicativos para celular que fazem isso automaticamente para você, assim como há extensões para o Google Chorme que também são extremamente simples e podem fazer qualquer leigo no assunto conseguir seu objetivo com poucos cliques. Ao ativar a VPN, você poderá escutar as canções de Britney tranquilamente ou acessar seus vídeos quantas vezes quiser que estará contabilizando para as tabelas da Billboard e certificações da RIAA Vou deixar aqui com vocês um link do TechMundo onde tem mais algumas explicações e recomendações de programas simples para VPN TechMundo: http://goo.gl/Zl7iWy ATENÇÃO: NUNCA UTILIZEM ESTE APLICATIVO EM SITES QUE TRANSFEREM DADOS SIGILOSOS
  3. Percebi algo hoje fazendo algumas pesquisas no chart history da Britney na Billboard e quero a opinião de vocês: Sabemos que após o desastre do clipe de Make Me ter sido vetado a era foi muito comprometida nos charts e em visualizações em comparação a era "Britney Jean", porém estava analisando algumas coisas e percebi que: "Make Me" conseguiu uma boa posição nas tabelas virais do maior serviço de streaming da atualidade - o Spotify - sendo a primeira entrada de Britney na parada desde o lançamento da mesma. Além disso, o peak de "Make Me" nos EUA através do serviço também é uma colocação admirável para uma artista que veio da era física (#29) o que mostra que neste inicio de era ela teve um desempenho superior nos streamings em comparação aos respectivos singles lançados por ela anteriormente Ainda em relação ao Spotify a fada conquistou também um #3 na tabela Spotify Velocity que mostra as canções que mais ganham streamings por semana no USA através do aplicativo. Apesar da data indicado o dia 24 de setembro a entrada de Britney na parada foi após a performance do VMAs, o que mostra que talvez com uma boa divulgação Britney consiga mais estabilidade em serviços de stream (a canção ficou três semanas no TOP 10 do Spotify Velocity, sendo duas com a versão clean) Para finalizar vamos falar das execuções dos álbuns da Britney no Spotify: Em apenas seis meses Britney arrecadou mais de +150M de plays (o que daria algo em torno de cem mil álbuns vendidos mundialmente) em seu álbum "Glory" no Spotify ultrapassando o número de execuções do álbum "Britney Jean" - por exemplo - que foi lançado ha mais de quatro anos, havendo também um aumento de seus ouvintes mensais desde então. Qual a opinião de vocês sobre isso?