Jump to content
BritneySpears.com.Br: Rebellion

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

Diego Xavier

Britney e Larry concedem entrevista sobre a Residência Domination

Recommended Posts

Para a revista Pollstar. Leiam, peguei só o mais importante.

“O maior pro de fazer uma residência é que é muito mais fácil com meus filhos,” diz Spears para a Pollstar. “Meus filhos são meu tudo, então ter um show em apenas um local me dá mais tempo com eles. Residências também são mais fáceis para mim e minha equipe. Pode ser exaustivo e disorentador quando você viaja todos os dias – mas isso não quer dizer que não tenha bastante de diversão, também.”

Spears, 36, saberia: Ela está fazendo turnês, gravando e agitando com o holofote da mídia sobre ela durante toda sua vida adulta, enquanto gera um lucro absurdo em turnês. De acordo com os Boxoffices da Pollstar, Britney gerou cerca de $455 milhões com 442 shows e 6,2 milhões de ingressos vendidos, nenhum deles teria sido possível de conseguir sem uma certa pessoa.

(…)

“Você pode ensinar pessoas a cantar, você pode ensiná-las a dançar, você pode escrever uma piada para elas dizerem, mas você nunca consegue ensinar carisma,” diz Rob Light, chefe da CAA Music e agente da Britney pelos últimos sete anos. “Ou você tem ou não tem, e Britney Spears tem. O carisma dela preenche a sala inteira até a parede. Ela anda e o jeito que ela desfila, a sala inteira fica energética. Ela não tem que dizer ou fazer nada.”

(…)

Identificando que emergir em um Mercado não é fácil, mais difícil ainda é continuar convencendo os outros a investir na sua visão. Felizmente, Light, que está em Vegas “desde sempre” com artistas como Bette Midler e Shania Twain, pensou rápido. “Quando estávamos falando sobre qual seria o próximo passo da Britney no ramo de shows, Larry – que é um dos melhores empresários do ramo – e eu falamos sobre ir para Vegas e ver como seria,” relembra Light. “Nós fomos a um bucado de propriedades, e as primeiras respostas – e lembre que não era como hoje – eram mornas, para não dizer pior. Certamente não combinou no modelo do Colosseum, não havia o Park Theater, e a única casa disponível era o Planet Hollywood.”

“Era um elefante branco,” diz Rudolph sobre o teatro inutilizado do Planet Hollywood, que tinha sete mil assentos. “Quando eu entrei lá, estava cheio de poeira e parecia uma bosta. Eu basicamente disse, ‘Ei, isso parece que não é tocado faz 40 anos’. E eles basicamente responderam, ‘Bem, é porque não é tocado faz 40 anos’. Então eu disse, ‘Beleza, o único jeito que vamos fazer esse teatro é se tivermos dinheiro para reformas.”

(…)

“Uma vez eu estava com a Britney no backstage, andando com ela até o palco, e enquanto eu literalmente me despedia dela, eu disse, ‘Ah, o Jay-Z e a Beyoncé estão sentados na primeira fila.’ Ela disse: ‘Não! O quê?! Porque você não me contou? Não posso ir até aquele palco.’ E eu disse: ‘Esse foi o motivo pelo qual não te contei. Não queria que você tivesse que pensar sobre isso. Agora vá lá e se apresente’. E ela ficou tipo: ‘Seu filho da puta’, com um sorriso no rosto. E é claro, ela foi lá e o Jay-Z e a Beyoncé estavam na primeira fila. O Dave Chapelle (ator) estava naquela noite também. Foi assim que funcionou. Todo mundo queria ver.”

(…)

“Em primeiro lugar, fizemos a turnê de verão da Piece Of Me porque havíamos acabado o show, ela tirou um ano de folga. E ela queria fazer algo. Então conversamos e várias pessoas na Costa Leste e na Europa não puderam ver o show, porque nem todos tem a facilidade de pegar um avião e ir até a Costa Oeste.”

E Light ponteou: “A maior parte do show estava pronta. Pense no custo de construir um palco e ensaiar. É muito caro. Não queríamos o mesmo show de Vegas exatamente, porque era em um teatro, mas pegamos vários elementos, construímos e ensaiamos, então os custos diminuíram.”

Rudolph lembra de um show especial: “Ela amou se apresentar no Radio City. Foi divertido porque eu lembrei a ela quando chegamos: ‘Você sabe qual a última vez que você esteve aqui?’ E ela disse: ‘Não, qual foi?’ e eu disse: ‘Você beijou a Madonna’. Ela riu muito e disse: ‘Meu Deus, eu vou dizer algo sobre isso quando eu subir no palco’. E ela disse, o que foi muito fofo.

(…)

“Tivemos nosso primeiro encontro de verdade com o NappyTabs por algumas horas na manhã de ontem. Conversamos criativamente pela primeira vez, nos sentamos, jogamos ideias e Britney veio com um monte delas. Eles vieram com um milhão delas. Temos um título experimental agora, uma narrativa, visuais, setlist e tudo agora. Mas é muito cedo para falar disso. O que eu posso dizer é: Vai ser diferente da Piece of Me. Vai ser mais street. Mais rítmico. Vai ser mais descolado. Mas ainda vai ser um show de grandes sucessos da Britney. Você saberá todas as músicas, os visuais serão incríveis, ela estará a 110% em termos de performance. Você terá dançarinos incríveis, figurinos, peças de cena, vídeos, som – tudo incrível.”

Fonte

Créditos: @hagridreizinho 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Em resumo:

  • A motivação para permanecer em Vegas são os filhos e a comodidade mlACRDM.gif
  • Eles esperam fazer um show mais urbano e animado mlACRDM.gif
  • Ainda estão definindo setlist e conceito do show mlACRDM.gif
  •  O Planet Hollywood estava no limbo antes da britney começar a residência no hotel, tanto que precisou ser reformado completamente mlACRDM.gif

Share this post


Link to post
Share on other sites

Nem aguento ler as fics do Larry, mas seria bom um show mais urbano. Os arranjos das músicas tem que ser nessa pegada e até facilita nas coreografias.

Oportunidade perfeita pra Britney continuar com "Boys" na setlist rs.

Share this post


Link to post
Share on other sites

  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.



×
×
  • Create New...