Ir para conteúdo
BritneySpears.com.Br: Rebellion

Wes

Membro
  • Total de itens

    365
  • Registro em

  • Última visita

Tudo que Wes postou

  1. Amo essa música, um dos melhores vídeos e é super simples, Britney se divertindo cheia de atitude, super espontânea.
  2. Melhor álbum dessa década, falo com tranquilidade.
  3. Hino inspiracional, renovador de energias, captador de foco.
  4. Wes

    Bolão Rebellion: Domination - Set list

    1 - Break the Ice 2 - Do You Wanna Come Over? 3 - Work Bitch 4 - Get Naked (I Got a Plan) 5 - Piece of Me 6 - Me Against the Music 7 - Gimme More 8 - Change Your Mind (No Seas Cortes) 9 - Womanizer 10 - Freakshow 11 - If U Seek Amy 12 - Clumsy 13 - Boys 14 - Love Me Down 15 - Oops!... I Did it Again 16 - ...Baby, One More Time 17 - Touch of My Hand 18 - Breathe on Me 19 - Make Me... 20 - Unusual You 21 - Coupure Électrique 22 - Slumber Party 23 - I'm a Slave 4 U 24 - Toxic 25 - Till the World Ends
  5. Pensando no boy, né? Kkkkk Sonho com uma versão só no piano Acho que vou aprender a tocar só pra fazer
  6. Amo, all eyes on Britney Justiça para Unusual You
  7. Kkkkkkk eu gosto, mas assim, é um guilty pleasure
  8. Ela tá a perfeição em pessoa Britney elevou a propaganda a outro nível
  9. Amo esse álbum, foi uma era muito boa. Além das novidades sonoras Womanizer, Unusual You e Mannequin, o álbum trouxe em 2008, de forma atual e polida, um pouco de tudo que a Britney já havia feito: If U Seek Amy numa pegada ...Baby e Oops!, Circus e MMM Papi com aquele clima dançante do Britney e do In the Zone, Kill the Lights e Blur, que podiam perfeitamente estar no Blackout. O Circus tem um gosto de recapitulação, e fica a sensação de que Britney deu um lembrete a todos: "Eu ainda sou a dona do show".
  10. Wes

    [Vazou]Herb Ritts 2001 HQ outtake

    Wonderful!! Thanx 😍
  11. Wes

    10 ANOS DO CIRCUS: Quais as melhores faixas?

    Eu queria tanto, mas tanto uma versão de Unusual You só no piano e com vocais mais simples como os de Someday ou Everytime Letra e melodia lindas, amo demais
  12. Ótima matéria. Como fomos mesquinhos ao comemorar esse divórcio. É claro que queríamos ver a Britney feliz, mas nenhum de nós estava no coração dela para saber o que ela sentia, então sim, há crueldade em ficar feliz pelo casamento dela não ter dado certo. Faltou empatia da nossa parte, faltou tentarmos nos colocar por um momento no lugar dela. Só queríamos o símbolo, a artista, ignoramos tudo o que está contido nele: o ser humano, a mulher, a esposa, a mãe. Mesmo entendendo como esse relacionamento foi abusivo - e continua sendo tóxico mesmo depois de anos, como vimos recentemente sobre a pensão -, não tínhamos esse direito, é algo para se envergonhar.
  13. Wes

    O membro do fórum com as opiniões mais sensatas kkkkk bjo

    1. Mostrar comentários anteriores  %s mais
    2. The Dragon

      The Dragon

      O reizinho voltou a postar? Ele deu uma sumida. Meu companheiro de textão!

    3. Madonna Ciccone

      Madonna Ciccone

      Sinto cheiro de jabá :clo4:

    4. InTheDomination

      InTheDomination

      Rei do textao da sensatez

  14. Amei a matéria, o enaltecimento, tudo, mas S&S em primeiro... Deve ser só por causa dos números. Pelo menos deram uma pisadinha no vou.eu.sou no final da matéria, duro que a mancha sobra pra Britney
  15. o In The Zone inteiro é bom, nenhuma surpresa, é a cara de meados dos anos 2000, e pra quem viveu essa época já dá pra sentir aquela nostalgia gostosa kkkkkk Early Morning soa atual até hoje, bicho, uma das mais autênticas músicas da carreira dela. Justiça para Shadow, merecia uma colocação melhor.
  16. Traduzindo pro português do Choque de Cultura: "Achou que ia ter single novo pra aproveitar o buzz dos 20 anos de carreira? Achou errado, otário!"
  17. Espero que sim, imagina o que ela teria a dizer sobre o Blackout na época
  18. Sei não, pq esse aí foi em uma entrevista, né? Que na verdade eu nem sabia que tinha kkkkkkkkkk Acho que se ela tivesse feito de outros álbuns ia ter em algum lugar
  19. Amei, queria que ela tivesse feito isso com todos os álbuns ao longo da carreira
  20. How "...Baby One More Time" change pop music Olha o poder. O PODEEEEEEERRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRR
×