Bruno Calmon

Membro
  • Total de itens

    158
  • Registro em

  • Última visita

  • Days Won

    1

Sobre Bruno Calmon

  • Rank
    ...Baby One More Time

Últimos Visitantes

335 visualizações
  1. Na verdade não né. Só as do Japão estão próximas. Na real eu tô achando as datas muito longe uma da outra, mas ok. e o Ops do Flesch pode não ser nada. Ele escreve isso em Tweet desde sempre.
  2. Esse site eh um site de revenda de ingressos. A quantidade que eles têm nao reflete a capacidade total do local.
  3. Realmente a coreografia de Breathe on Me eh bem isso que você falou mesmo. Eh uma performance simples mas que me enche mais os olhos do que outras bem mais dançantes, por tudo nela fazer sentido e estar encaixado.
  4. Concordo totalmente. As coreografias de outras turnes, principalmente da Oops, ram bem mais harmoniosas. Hoje fica uma coisa que parece que tá todo mundo drogado querendo chamar um mais a atenção que o outro. Salvo algumas performances.
  5. Cara a questão não é só o tempo de voo. Pra isso dar certo o show dela teria que ser no aeroporto de São Paulo e não em Goiânia.
  6. A sombra realmente encaixa, mas eh impossível já que ela vai estar em Tel Aviv.
  7. Tô achando estranho esse pôster. Tem muito erro pra ser oficial. - Tokio ao invés de Tokyo - México listado como América do Sul - Ciudad de Mexico ao invés de Mexico City (ou a pessoa escreve em inglês ou em espanhol. O pôster tá todo embaralhado nos dois idiomas) Mas conhecendo a equipe da Britney q erra até encarte de CD, tudo eh possível. Mas esse pôster n me convenceu não.
  8. A Ticketmaster e a Live Nation eh tudo a mesma coisa.
  9. O foda eh que q Britney veio em uma época que várias popstars vieram, os preços eram altos e os lugares que ela fez shows não eram bons. Se pensar na Arena Anhembi, que eh só pista, eh muito provável que muitos fãs casuais, ou apenas interessados, tenham deixado de ir por não ser um lugar bom. Mas se for fazer uma comparação de quantidade de ingressos vendidos, ignorando a lotação total dos lugares, a vinda dela foi boa.
  10. Não. A Piece of Me eh da Live Nation: http://www.billboard.com/biz/articles/news/5840363/live-nation-named-exclusive-booker-of-planet-hollywoods-axis-in-las-vegas
  11. Sim. Na época a Britney era da AEG e não da Live Nation, por isso era a Mondo e n a T4F.
  12. Sim. Eh muito simples na real. Eh soh ver todo artista internacional que a Time for Fun traz, todos são exclusivos da Live Nation. Justin Bieber, Madonna, Lady Gaga, Simple Plan e a própria Britney. Todos eles, quando vem pro Brasil, são sempre pela Time for Fun. E se vc comparar as empresas que produzem os shows desses mesmos artistas no exterior, são sempre as mesmas. Outro ponto que da pra ter uma base são as casas de shows. Em São Paulo, por exemplo, o Morumbi e o Citibank Hall são casas de shows exclusivas da Time for Fun, por isso, entre outras casas, todos os shows que acontecem nesses lugares são da T4F. Na Circus Tour a Britney era da AEG Live, que no Brasil, se n me engano, eh a XYZ Live.
  13. Sim. A T4F eh bem difícil de atingir. Se eles não tiverem interesse em trazer ela, eh difícil a vinda dela ser viabilizada. O que pode acontecer eh uma produtora menor se interessar e dividir os custos com a T4F, mas a Britney sendo uma artista grande, isso fica mais difícil.
  14. Tem varias, mas a Britney eh da Live Nation e a Time for Fun eh a afiliada da Live Nation na América do Sul, então nem adianta pedir pra outras produtoras brasileiras. A única que pode trazer a Britney eh a T4F.
  15. Tambem acho que o Justin tocar no Rock in Rio não é impeditivo... Eles dois se apresentaram no show da Madonna no mesmo dia, bem pós breakdown e não teve problema algum. Mas não acho que esse tweet seja necessariamente sobre ela ou sobre o Rock in Rio... Na real o Flesch já disse que a Britney quis vir mas que não fecharam as negociações, então acho que é melhor o pessoal desencanar de show dela por aqui dentro ou fora de festival por enquanto.